Exames Clínicos Assistenciais

PCCU - Preventivo Câncer Colo do Útero

O exame Preventivo Do Câncer Do Colo Do Útero - conhecido popularmente como exame de Papanicolaou - é indolor e eficaz. Ele consiste na coleta de material para exame de três locais: da parte externa do colo (ectocérvice), da parte interna do colo (endocérvice) e do fundo do saco posterior da vagina. (Para grávidas se evita a coleta da endocérvice, para não estimular contrações uterinas.)
A fim de garantir a eficácia dos resultados, a mulher deve evitar relações sexuais, não usar duchas, medicamentos vaginais ou anticoncepcionais locais nos três dias anteriores ao exame. O exame não é realizado durante o período menstrual, exceto se for um período menstrual prolongado, além do habitual. A colposcopia permite examinar com mais detalhes o colo uterino, devendo ser realizada a cada 3-5 anos, dependendo dos achados e indicação médica.

Finalidade:

Feita por um patologista, essa análise investiga a presença de microorganismos (fungos, vírus e bactérias) potencialmente prejudiciais e alterações nas células raspadas do colo do útero durante o exame ginecológico. É considerado um método de detecção precoce de diversas doenças da mulher, como a infecção pelo HPV (vírus do papiloma humano) e o câncer de colo do útero.

Procedimento:

Com a paciente deitada em posição ginecológica – pernas abertas, flexionadas e apoiadas em um descanso acolchoado – o médico afasta as paredes da vagina com um aparelho específico para esse fim, deixando o colo do útero mais acessível para observação. Usando uma haste de algodão ou uma espátula parecida com um palito de sorvete o ginecologista raspa as células superficiais do colo uterino. Depois disso, coloca o material em uma lâmina de vidro e envia para a análise do patologista.

Preparo:

A mulher não deve estar menstruada e precisa manter abstinência sexual nas 24 horas que antecedem o exame. Também deve evitar, nas 48 horas anteriores, o uso de duchas, pomadas ou cremes vaginais.

Fotografias

Voltar